Pode parecer exagero, mas o tempo seco favorece crises respiratórias como rinite, asma, bronquite e até problemas mais graves como o infarto e acidente vascular encefálico (AVE). Além disso, uma consequência ruim da temperatura seca é o acúmulo de poluentes que impedem que os gases tóxicos dispersem na atmosfera, causando irritação nos olhos, garganta seca e pigarro.

A boa notícia é que algumas “receitas caseiras”, como colocar uma bacia cheia d’água no ambiente, funcionam e ajudam a melhorar a qualidade do clima que chega aos pulmões.

Para aliviar os sintomas, a Secretaria de Saúde de São Paulo dá algumas dicas para lidar melhor com o ar seco:

  1. Beba muita água, sucos naturais e água de coco
  2. Em casa, evite o acúmulo de poeira que desencadeia problemas alérgicos

  3. Prefira alimentos frescos e produzidos o mais próximo possível do horário de consumo
  4. Substitua frituras por alimentos assados
  5. Durma em local arejado e umedecido
  6. Evite banhos com água quente e use creme hidratante

 

Fonte: iG